ANFIP e Frente analisam pauta do Congresso e condições no teletrabalho

Os representantes das carreiras que compõem a Frente Parlamentar Mista do Serviço Público participaram de videoconferência realizada nesta segunda-feira (29/6), conduzida pelo assessor de Estudos Socioeconômicos da ANFIP, Vilson Antonio Romero. O encontro virtual priorizou como debate as matérias previstas para serem votadas nesta semana no Congresso Nacional, além de abordar questões essenciais referentes ao teletrabalho e aos webinários realizados aos sábados pela Frente. O vice-presidente de Política de Classe e Política Salarial da ANFIP, José Arinaldo Gonçalves Ferreira, também acompanhou a reunião.

O primeiro item da pauta foi apresentado pelo consultor político Vladimir Nepomuceno, que trouxe o cenário no parlamento com foco na sessão da próxima quarta-feira (1º/7). De acordo com ele, a sessão deverá analisar vetos do governo e projetos que dependem de aprovação dos parlamentares como, por exemplo, a Lei Complementar 173/20. Nesse sentido, Romero também reforçou o empenho das entidades frente a Emenda Constitucional 103 em relação à contribuição previdenciária extraordinária. “A reforma da Previdência conta com desdobramentos que devem ser acompanhados e monitorados por nós”.

Sobre o teletrabalho, as entidades de classe se comprometeram a realizar um levantamento para avaliação das condições do trabalho remoto nos estados. “A Receita Federal do Brasil conta hoje com 75% dos servidores em home office, mas precisamos avaliar quais condições os servidores têm para realizar suas demandas. Por isso, esse levantamento é de grande importância uma vez que as situações das carreiras são distintas”, reforçou Romero.

Webinário 

No próximo sábado (04/7), o webinário “O serviço público em tempos de pandemia” realizado pela Frente tem continuidade no estado de Pernambuco. A transmissão, ao vivo, acontece a partir das 15h nas plataformas digitais da Frente (Facebook e Youtube). Participe!