ANFIP e Innocenti Advogados analisam proposta de acordo da GIFA

3687

Foi realizada, nesta segunda-feira (19/4), mais uma reunião entre a ANFIP e representantes do escritório Innocenti Advogados para avaliar a proposta de acordo apresentada pela Procuradoria-Geral da União (PGU) na ação da GIFA e estratégias de atuação na execução do processo.

Conforme discutiu-se na ocasião, a PGU sinalizou como proposta um deságio de 20% nas ações da GIFA. Diante disso, a ANFIP está buscando junto à Procuradoria a possibilidade de se fazer acordos individuais e não um acordo global.

A Associação espera que até a próxima semana já tenha essa resposta da PGU. Após isto, e assim que estiver tudo formalizado, a Entidade realizará uma reunião virtual com os associados para explicar todas as questões envolvendo o acordo e a logística a ser adotada, como envio de documentos e o que mais for necessário.

Pela ANFIP, participaram o presidente Décio Bruno Lopes; o vice-presidente Executivo, Márcio Humberto Gheller; a vice-presidente de Assuntos Jurídicos, Maria Beatriz Fernandes Branco; e o advogado do Setor Jurídico Rodrigo Cartafina.

Já o escritório Innocenti esteve representado pelos advogados Vicente Cândido, Fernanda Mendonça dos Santos Figueiredo, José Jerônimo Nogueira de Lima e Gabriela Valência de Souza.