Entidades definem estratégias de resistência à PEC 32/20

330

As entidades que integram a Frente Parlamentar Mista do Serviço Público estiveram reunidas, nesta segunda-feira (2/8), para dar continuidade ao trabalho de mobilização contra a PEC 32/2020, da Reforma Administrativa. Pela ANFIP, participaram o vice-presidente José Arinaldo Gonçalves Ferreira (Política de Classe e Salarial), que coordenou o encontro, e o assessor de Estudos Socioeconômicos, Vilson Antonio Romero.

Ao comentar o andamento da matéria, o deputado Rogério Correia (PT/MG) afirmou que os deputados favoráveis à Reforma querem aprová-la para cumprir promessas feitas ao mercado financeiro. “Se depender deles, vão entregar o serviço público de bandeja para o mercado. E se vão conseguir ou não, depende da nossa mobilização e do andamento de outras matérias, como a Reforma Tributária”, completou. O deputado Paulo Ramos (PDT/RJ) também esteve presente no encontro.

Vilson Romero recomendou que as entidades continuem pressionando os parlamentares, prioritariamente os titulares e suplentes da Comissão Especial, com realização de audiências nos municípios, inserção do tema na mídia por meio de emissoras de rádio e TV, e mobilizações nas redes sociais.

As entidades participarão do grande ato nacional contra a PEC 32/20, em frente ao Congresso Nacional nesta terça-feira (3/8).  A Frente ainda aguarda agendamento de reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP/AL) e com o presidente da Comissão Especial da Reforma Administrativa, Fernando Monteiro (PP/PE), para apresentar os principais pontos que afligem os servidores.