Frente do Serviço Público organiza ato pela recomposição salarial

388

As entidades que compõem a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público se reuniram nesta segunda-feira (10/1) para discutir estratégias de reivindicação da recomposição salarial dos servidores. O vice-presidente de Política de Classe e Política Salarial da ANFIP, José Arinaldo Gonçalves Ferreira, coordenou o encontro.

Os dirigentes discutiram os detalhes da participação no Dia Nacional de Mobilização, que será realizado em 18 de janeiro. Além da paralisação de servidores, na oportunidade será promovido um ato unificado, em frente ao Ministério da Economia, com a participação de entidades de classe, fóruns e confederações. O grupo pretende ainda realizar novas paralisações nos dias 25 e 26 de janeiro, caso o governo federal não se posicione.

Ao se pronunciar, o consultor político da Frente, Vladimir Nepomuceno, lembrou que os salários de diversos servidores públicos federais estão congelados desde 2017, com uma perda financeira significativa diante da inflação e reforçou a importância de as entidades participarem ativamente das atividades, pressionando o governo para que não haja reajuste para apenas uma categoria.