Entidades do MCCE avaliam primeiro turno das eleições

115

O presidente Vilson Antonio Romero e o vice-presidente de Assuntos Parlamentes, José Avelino da Silva Neto, participaram da reunião do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), realizada nesta quarta-feira (26/10), com a rede de entidades que o integra.

Os dirigentes analisaram o decorrer do primeiro turno das eleições em todo o Brasil, com relato de membros do Movimento envolvidos no projeto Missões de Observação Eleitoral, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Apesar de registrados problemas diversos em algumas regiões do país, os representantes consideraram positiva a avaliação desta primeira etapa. O relatório do grupo será encaminhado ao TSE, em preparação ao segundo turno, que acontece no dia 30 de outubro.

O MCCE pretende promover, ainda, uma campanha para levantar os temas polêmicos que tiveram grande repercussão durante as eleições de 2022, como casos de assédio eleitoral, desinformação e outros. A iniciativa tem por objetivo incentivar debates públicos e propor soluções legislativas, institucionais e políticas em 2023, a fim de avançar nos referidos assuntos.

Em sua exposição, José Avelino ressaltou a continuação das ações em defesa da democracia e colocou a ANFIP à disposição para discutir e auxiliar nos atuais e futuros trabalhos. Vilson Romero também se pronunciou, demonstrando preocupação com as irregularidades observadas desde as últimas eleições, com os empecilhos surgidos com a identificação biométrica e ressaltou a importância dos procedimentos de observação e fiscalização para a cidadania e para o desenvolvimento do país.