ANFIP é recebida pelo presidente do INSS

811

O presidente da ANFIP, Décio Bruno Lopes, e os vice-presidentes Benedito Cerqueira Seba (Comunicação Social) e Eucélia Maria Agrizzi Mergár (Assuntos Fiscais) reuniram-se na quarta-feira (15/12) com o presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), José Carlos Oliveira, em Brasília.

Entre os assuntos abordados, Décio Lopes externou a preocupação da ANFIP com a migração do gerenciamento do Departamento de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos extintos (Decipex) do Ministério da Economia para o Instituto.  “O INSS hoje não tem capacidade operacional. Não por falta de habilidade dos servidores, que são altamente capacitados, mas pelo número reduzido de pessoal. Atualmente, o INSS não dá conta do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), se os Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS) forem trazidos da forma que o órgão está, teremos mais pessoas sem atendimento”, alertou o presidente.

José Oliveira firmou o compromisso de que o processo será realizado com tranquilidade, de acordo com a capacidade do INSS de centralizar os entes. “Vamos fazer de forma paulatina e com responsabilidade, pode ter certeza. A gente entende que para que o RPPS vá bem aqui, precisamos sanear o RGPS. À medida que fizermos, vamos negociando órgão a órgão como cada um poderá colaborar. Cada ente tem suas peculiaridades, então preciso ter pessoas para prestar apoio técnico e operacional”, disse.

Na ocasião, também foi realizada a entrega de algumas publicações recentes da ANFIP e da Fundação ANFIP, e o reforço da parceria para o trabalho conjunto em torno de temas de interesse.