Servidores aposentados e pensionistas com pagamento suspenso devem realizar prova de vida para receber

844

Os servidores aposentados e pensionistas que estão com o benefício suspenso devido à ausência da prova de vida em 2020 e 2021 podem regularizar a situação realizando o procedimento o mais rápido possível. Para isso, são disponibilizados dois meios:

– Presencial: levando comprovante de residência e documento de identificação com foto e CPF à agência do banco em que recebe o pagamento;

– Digital: caso tenha a biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), basta instalar os aplicativos SouGov.br e Gov.br (antigo Meu.Gov.br) no celular. Acesse AQUI o passo a passo.

Prova de vida em 2022

Em 2022, o calendário voltou à versão normal, pré-pandemia, em que a prova de vida deve ser feita no mês do aniversário. Vencido o prazo sem que se haja a comprovação, será registrado o atraso e o beneficiário terá mais 60 dias para fazer a regularização.

Vale lembrar, ainda, que nesta sexta-feira (11/2) ocorre o fechamento da folha de pagamento referente ao mês de fevereiro deste ano. Havendo divergências na prévia do contracheque, os interessados deverão entrar em contato com o Departamento de Pagamento Pessoal (DPP) ou Departamento de Recursos Humanos (DRH) para que sejam corrigidas em tempo hábil.

Com informações do Portal do Servidor