Decipex responde dúvidas de associados em webinário exclusivo

529

Com o objetivo de auxiliar as demandas dos associados relacionadas ao Departamento de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos (Decipex), a ANFIP promoveu, nesta quarta-feira (31/3), um webinário exclusivo com a participação da equipe do Departamento, que contou com a audiência de mais de 700 pessoas.

Pelo Decipex, participaram do encontro: Marco Aurélio Alves da Cruz, diretor; Teomair Correia de Oliveira, Coordenação-Geral de Benefícios; Valdinei Henrique da Costa, coordenador de Auxílios; Kiria Camila Fernandes Costa, coordenadora de Atendimento. Pela ANFIP, estiveram presentes o presidente Décio Bruno Lopes e os vice-presidentes Márcio Humberto Gheller (Executivo) e Tereza Liduína Santiago Félix (Aposentadorias e Pensões).

Em sua fala, Décio Lopes destacou que, apesar da importância da implantação do governo digital, o formato analógico é uma cultura, e que isso não se altera de um dia para o outro, portanto, é necessário disponibilizar o máximo possível de informações aos usuários do serviço. Márcio Gheller mediou o evento e agradeceu a todos da equipe do Decipex por se prontificarem a atender ao apelo da ANFIP para informar os associados.

Em seguida, o diretor do Decipex, Marco Aurélio Alves da Cruz, contextualizou a criação do Departamento, que, dentre outras atribuições, cuida do processo de digitalização e centralização do atendimento e da prestação de serviços a inativos e pensionistas da União, e informou que a concentração dos serviços é um primeiro passo para viabilizar a futura criação de uma unidade gestora do Regime Próprio de Previdência Social, citada no parágrafo 20 do artigo 40 da Constituição Federal. Marco Cruz informou que o setor conta com uma equipe qualificada e comprometida com a priorização para que o processo ocorra com o mínimo de percalços e a melhor qualidade possível. E enfatizou ainda que não haverá nenhuma perda dos direitos que os aposentados ou pensionistas já possuem.

Liduína Félix afirmou que reconhece que é um momento de mudanças e acredita na modernização e na tecnologia, mas é necessário reconhecer que os aposentados e pensionistas tem dificuldade com o ambiente digital.  Atualmente a unidade de atendimento presencial só está disponível em Brasília e São Paulo, e com atendimento suspenso devido à pandemia. Porém, há um projeto do Ministério da Economia para a implementação do atendimento presencial em todo o país.

Na oportunidade foram elucidadas diversas dúvidas acerca da utilização das plataformas de atendimento, concessões de benefícios, assistência à saúde e outras questões que inquietam os associados. As perguntas específicas recebidas que não foram respondidas serão encaminhadas ao Departamento, para que tenha conhecimento dos casos.

Finalizando o webinário, Décio Lopes destacou que a proximidade com o usuário faz toda diferença na resolução das demandas. “Quando estamos perto dos cidadãos, as coisas ficam mais efetivas e os problemas tendem a ser atenuados”, completou.

A ANFIP segue em contato com o Decipex para viabilizar sempre a divulgação de assuntos importantes para os associados. Confira AQUI as informações sobre os atendimentos prestados pelo Departamento, divididos por assuntos, com passo a passo e vídeos tutoriais.

Aqueles que não puderam acompanhar o webinário, receberão no Boletim ANFIP desta quarta-feira (31/3) o link da transmissão.