Frente do Serviço Público alinha estratégias contra Reforma Administrativa

290

Em reunião, nesta terça-feira (18/5), coordenada pelo vice-presidente de Política de Classe e Política Salarial, José Arinaldo Gonçalves Ferreira, a Frente Parlamentar Mista do Serviço Público debateu novamente ações de combate à PEC 32/2020, da Reforma Administrativa.

O texto tem votação prevista para quinta-feira (20/5) na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados. Caso seja admitido, seguirá para apreciação da Comissão Especial, onde será discutido o mérito. Apesar de defenderem a suspensão total da tramitação da PEC, as entidades também estão se mobilizando para obter apoio dos parlamentares na Comissão Especial, se a matéria for aprovada.

O encontro também contou com a participação do deputado Rogério Correia (PT/MG), que destacou que é necessário que a população participe das ações para impedir a tramitação do desmanche do serviço público. “É importante não medir esforços nessa batalha geral, pois se empurrarmos para o segundo semestre a chance de aprovação é menor. Mas, se atrasarmos na mobilização das bases, pode ser tarde”, alertou.

Será realizado um tuitaço nacional, que contará com a participação das frentes Parlamentar Mista do Serviço Público e a Servir Brasil, centrais sindicais, associações e sindicatos, na quarta-feira (19/5), às 18 horas, com a hashtag #VoteContraPEC32.

O grupo aguarda o agendamento de reunião com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP/AL), e segue recolhendo participações no abaixo-assinado virtual que solicita ao deputado a suspensão da tramitação do projeto.  A campanha já conta com mais de 60 mil assinaturas, participe aqui.

A coordenação da Frente convocou ainda a colaboração das entidades para a divulgação da Vakinha, ferramenta de arrecadação virtual utilizada para financiar as ações em defesa dos direitos dos servidores. Os interessados podem doar aqui.