Frente Gaúcha define novas estratégias de atuação contra a PEC 32/20

233

Nesta segunda-feira (16/8), a ANFIP, representada pelo assessor de Estudos Socioeconômicos, Vilson Antonio Romero, participou de mais uma reunião da Frente Gaúcha em Defesa do Serviço Público, juntamente com as entidades de classe do estado, para definir estratégias de intensificação das mobilizações contra a PEC 32/2020, da Reforma Administrativa.

No encontro virtual, os presentes reconheceram a importância de estabelecer diálogo com os parlamentares da base governista, a fim de mostrar que a pauta não é partidária, e sim um movimento de todos que defendem um funcionalismo público mais eficiente e um Estado Democrático de Direito cada vez mais forte. Para isso, o grupo pretende apresentar análises técnicas sobre os prejuízos trazidos pela PEC, na tentativa de ampliar o público alvo das campanhas e promover uma atuação mais unificada e integrada contra a Proposta.

Durante a reunião, também foi debatida a adesão à greve geral dos servidores públicos contra a Reforma, que acontece nesta quarta-feira (18/8), organizada pelas centrais sindicais e pela sociedade civil. A paralisação compõe as estratégias de rua que estão sendo desenvolvidas, a exemplo da distribuição nacional de painéis para conscientização da população e para pressão aos parlamentares.

Agora, o grupo avalia a possibilidade de solicitar uma reunião particular com o relator da PEC, deputado federal Arthur Oliveira Maia (DEM/BA), além de seguir acompanhando as audiências públicas que estão sendo realizadas sobre o tema em diferentes estados do país.

Fique por dentro das mobilizações! Acesse AQUI o “Manual digital de trabalho parlamentar” e o “Guia do trabalho parlamentar nas redes sociais”, elaborados pela ANFIP para incentivar a participação de todos e todas na luta por seus direitos.