ANFIP trata de assuntos da carreira em reunião na RFB

262

O chefe de gabinete da Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil (RFB), Antonio Márcio de Oliveira Aguiar, recebeu o vice-presidente da ANFIP, Márcio Humberto Gheller, e demais conselheiros da Entidade, para uma reunião em seu gabinete nesta quarta-feira (27/11).

Participaram do encontro os vice-presidentes Albenize Gatto Cerqueira (Cultura Profissional), Carlos Alberto de Souza (Planejamento e Controle Orçamentário) e Maria Aparecida Fernandes Paes Leme (Relações Públicas).

Na ocasião, trataram de assuntos de interesse dos associados da entidade, como a implantação das catracas de ponto eletrônico nas unidades da RFB e o fechamento de uma Unidade de Atendimento ao Contribuinte em Lauro de Freitas, na Bahia.

As catracas já estão sendo instaladas na RFB e no Ministério da Economia. O funcionamento entrará em vigor no dia 2 de janeiro, apenas em Brasília, caso não aconteça um novo adiamento. De acordo com o Antonio Márcio, o foco principal da RFB e do Ministério da Economia não é o ponto eletrônico, tanto que para os Auditores Fiscais externos pretende-se implantar outras duas modalidades alternativas para o cumprimento do Plano de Desenvolvimento Individual (PDI), o teletrabalho, que já é praticado há algum tempo, e o trabalho semipresencial. O teletrabalho consiste na realização de atividades por servidores em exercício na RFB fora de suas dependências. Para a modalidade semipresencial, será alinhada, com a chefia, a jornada de trabalho, com demandas a cumprir. Neste caso, o servidor deverá atingir essa meta ao invés de registrar o ponto.

Sobre a Unidade de Atendimento em Lauro de Freitas, ainda não há informações específicas sobre a data de fechamento. Mais detalhes sobre este e outros temas, assim como demais demandas de interesse da categoria, serão debatidas na próxima reunião, que acontece nesta quinta-feira (28/11), na RFB, com o subsecretário de Gestão Corporativa da Receita Federal (Sucor), Moacyr Mondardo Júnior.