Conheça a história dos 53 anos da ANFIP-DF

98

Em 25 de junho de 1967, na sede do antigo IAPM, em Brasília (DF), um grupo formado por 22 Fiscais e um Inspetor do INPS, todos jurisdicionados em Brasília, se organizaram em assembleia para deliberarem sobre a conveniência da fundação de uma associação de classe, fato que mereceu aprovação unanime dos participantes.

Nesta assembleia, sob a presidência do Fiscal Hélio de Azevedo, secretariado pelo Fiscal Gerson Rodrigues Lima, foi elaborado, distribuído e submetido à apreciação e aprovado por unanimidade em sua forma e conteúdo, o Projeto de Estatuto, no qual constou a fundação, constituição, finalidade, organização, sede, foro, com a denominação de Associação de Fiscais e Inspetores da Previdência de Brasília, com o uso da sigla AFIBRA, com sede  na capital federal, congregando Fiscais e Inspetores da Previdência.

Com a aprovação do Projeto de Estatuto e após formação de duas chapas, foi eleita uma diretoria provisória empossada, com mandato de um ano, composta pelos Fiscais Nilo Meirelles, Raggi Pimenta de Moraes, Gerson Rodrigues Lima, Luiz Fernando de Andrade Franco, Conceição de Maria Almeida Utta, Roberto Machado Barcellos, Helio Azevedo, Paulo Miller e Roberto Mozeir Duque.

Essa Diretoria Provisória encarregada de elaborar o Estatuto da entidade, também coube a tarefa de organizar a próxima eleição, que veio a ocorrer em 1969, sendo eleito como presidente o Fiscal Hélio de Azevedo.

Engajada na luta, politicamente ocupando posição combativa em defesa dos direitos da categoria, a Associação, em toda a sua existência, esteve sob o comando dos seguintes Fiscais:

Nilo Meirelle  (1967/ 1969);   Helio de Azevedo  (1969/197i);  Roberto Moacir Duque (1971/1973); Jiro Shimisu (1973/1974); Alvaro Paim  (1974/1976);  Gilson Ferreira de Mattos (1976/1978, 1986/1988 e 1998/2002); Jary de Brito Freire (1978/1980);  Gerson Rodrigues Lima (1980/1982); Mário Sérgio Mendes Pinto (1982/1984);  Francisco Ferreira Maciel ( 1984/1986);  Avani Vilazante Castro (1988/1990);  Luiz Carlos Barreto  (1990/1992);  Wilson Costa Ferreira (1992/1994);  Clarice do Amor Divino (1994/1997); Lea Ferreira De Mattos (2002/2004, 2006/2008, 2008/2010, 2013/2014 e 2014/2016);  Amaro Miguel Leite (2004/2006);  Floriano Martins De Sá Neto (2010/2012 e 2012/2014); e Maria Jose De Paula Moraes (2016/2018 e 2018/2020).

A denominação AFIBRA permaneceu até o 12/73, quando foi alterada para Associação dos Agentes de Fiscalização do INPS no Distrito Federal – AAF/INSS-DF. Em razão de alterações ocorridas na carreira, a denominação da instituição, também sofreu as seguintes alterações:

– Associação dos Fiscais e Inspetores de Previdência no Distrito Federal, com a sigla AFIP-BRASILIA, em 1973. Em 2007, com a unificação das Secretarias da Receita Previdenciária e Receita Federal, recebeu a denominação de Associação dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil no Distrito Federal – AFIP-DF, e, em 2018, aderindo ao projeto da ANFIP nacional de unificar a nomenclatura e logomarca das unidades estaduais, foi adotada a nomenclatura ANFIP-DF – Associação dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil no Distrito Federal.

Instalada de início, contando com um número pequeno de associados, funcionou em uma sala cedida pelo antigo INPS, até a aquisição de sede própria, situada à CLN-104 Bloco “B” Sala 103 Brasileia-DF. Posteriormente, em regime de comodato, sua sede administrativa retornou para o então IAPAS, onde permaneceu até 3/1997, quando foi adquirido novo imóvel, situado SEP/SUL 707/907 – Edifício San Marino, Conjunto “E” nº 10 – Salas 303/305, CEP 70.390-078, onde funciona até a presente data.

Como ponto relevante de sua história, além dos trabalhos integrados com as coirmãs, na  conquista de direitos de seus associados, um ponto que merece destaque  para a categoria no Distrito Federal,  foi a mudança da ANFIP nacional para Brasília, no ano de 1988, em particular, pelos encontros  de âmbito nacional, como a Convenção Nacional,  que em toda sua dimensão e contexto promove uma  integração, unindo forças, conquistas e envolvimento em seus ideais de lutas, um avanço cultural que muito enriquece a toda classe  Fiscal  do  Distrito Federal.

A ANFIP-DF atualmente é composta por 80 associados, dentre eles, Auditores Fiscais ativos e aposentados e de abnegado de colegas que a dirigiram, proporcionando o melhor de cada um para o seu fortalecimento, buscando a efetiva devida proteção dos direitos dos seus associados.

Foi muito relevante para o ANFIP-DF a vinda da ANFIP para Brasília.