Comissão de Interesse de Classe relaciona prioridade de ações em defesa da carreira

265

A Comissão de Interesse de Classe, que mapeia as pautas de valorização dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil, reuniu-se nesta segunda-feira (24/5) para mais uma rodada de conversas estratégicas, desta vez definindo os próximos passos da produção de conteúdo de temas voltados para os Auditores Fiscais, como o orçamento deficitário e o quadro defasado de servidores na Receita Federal do Brasil, e para todos os servidores públicos, como é o caso da Reforma Administrativa (PEC 32/20).

Participaram da reunião os vice-presidentes José Arinaldo Gonçalves Ferreira (Política de Classe e Política Salarial), Crésio Pereira de Freitas (Assuntos da Seguridade Social), Eucélia Maria Agrizzi Mergár (Assuntos Fiscais), Benedito Cerqueira Seba (Comunicação Social) e o assessor de Estudos Socioeconômicos, Vilson Antonio Romero.

Os conselheiros enfatizaram a importância da atualização de algumas publicações já editadas pela ANFIP e listaram as ações que estão sendo realizadas contra a Reforma Administrativa, como as lives semanais e os coletivos de entidades de servidores, como a Frente Servir Brasil, Frente em Defesa do Serviço Público e o Fonacate (Fórum de Carreiras Típicas de Estado).

Na reunião, os conselheiros destacaram ainda a necessidade de todos os associados se engajarem nas redes sociais, especialmente no Twitter, rede mais amplamente utilizada pelos parlamentares, em que é possível propagar mensagens sobre vários assuntos, especialmente os políticos. Nas atuais mídias digitais é possível ouvir e ser ouvido sob uma nova perspectiva, baseada em métricas, por isso a importância do engajamento de todos para que os assuntos ganhem relevância e destaque.