Centrais Sindicais cobram suspensão da PEC 6/2019 após denúncia da Unicamp

148

Pesquisadores do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica, da Universidade de Campinas (Cecon/Unicamp), divulgaram recentemente estudo que comprova as irregularidades nos dados apresentados pelo governo referentes à reforma da Previdência (leia o estudo aqui).

Diante disso, as seis Centrais Sindicais – CSB, CTB, CUT, Força Sindical, Nova Central e UGT, assinam em conjunto uma nota direcionada aos senadores e senadoras em que solicitam a imediata suspensão da tramitação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/2019 até que as denúncias e os dados usados para os cálculos da reforma sejam esclarecidos.

“Como pode o Senado Federal, Casa revisora composta por lideranças experimentadas, tomar conhecimento de denúncia tão grave e não exigir esclarecimentos convincentes antes de votar matéria de tamanha relevância e altíssimo impacto na vida de milhares de pessoas?”, questiona as entidades no documento.

Leia a seguir (ou baixe aqui) a íntegra da nota das Centrais:

Centrais Sindicais - Previdencia