ANFIP e MOSAP debatem soluções para facilitar acesso de aposentados e pensionistas a serviços Gov

495

Na manhã desta terça-feira (8/6), o Movimento Nacional dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas (MOSAP) promoveu uma reunião virtual com os representantes das entidades de classe, incluindo a ANFIP, com o intuito de analisar o nível de adaptação da categoria à modernização dos serviços disponibilizados virtualmente pelo governo federal, como a Prova de Vida Digital e os aplicativos SouGov, MeuGov.br e Meu INSS.

A pauta se deu pela queixa de inúmeros associados, majoritariamente idosos, que não possuem conhecimento digital ou ajuda de terceiros para auxiliá-los nos processos não presenciais, o que acaba por prejudicar a autonomia e dificultar a inclusão nos referidos sistemas.

Como solução, os participantes sugeriram, em consenso, o encaminhamento de um ofício ao ministério da Economia, especificamente ao Decipex (Departamento de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos), solicitando que, na medida do possível, sejam mantidos os atendimentos presenciais, respeitando o distanciamento, o uso de máscaras e as demais medidas sanitárias recomendadas pelas autoridades de saúde.

Com a solicitação, pretende-se aproveitar o período de suspensão da obrigatoriedade da Prova de Vida e do recadastramento para aperfeiçoar os serviços e integrar, da maneira mais confortável possível, os servidores públicos ativos, aposentados e seus pensionistas, seja oferecendo mais informações ou diferentes opções de atendimento.

“Por enquanto não temos prejuízos, face ao fato de os procedimentos estarem suspensos, mas é importante que tenhamos condições facilitadas para que todos possam ir se atualizando para evitar danos futuros. Aproveitando o momento em que a obrigatoriedade dos serviços está suspensa para alinhar os meios”, afirmou o presidente do Movimento, Edison Haubert.

Durante a reunião, também foi debatido o atual cenário sociopolítico nacional, bem como a questão da Reforma Administrativa, que terá a Comissão Especial da Câmara dos Deputados instalada até esta quarta-feira (9/6), conforme informou o presidente da Casa, deputado Arthur Lira (PP/AL).

Diante da pauta, foi sugerida uma reforma digital no MOSAP, com o objetivo de direcionar a tecnologia a favor das mobilizações, utilizando estratégias de marketing digital para intensificar os trabalhos a distância, sobretudo nas redes sociais, na tentativa de pressionar os parlamentares, tanto para as reformas em curso quanto para as eleições de 2022.

O grupo se reunirá novamente no dia 13 de junho para definir novas ações em prol da conscientização de aposentados de todo o Brasil.

Pela ANFIP, estiveram presentes a vice-presidente de Aposentadorias e Pensões, Tereza Liduína Santiago Félix, e o assessor de Estudos Socioeconômicos, Vilson Antonio Romero.