ANFIP participa de webinar da Conacate

Para analisar e debater a atual conjuntura nacional frente à pandemia de Covid-19, a Confederação Nacional das Carreiras e Atividades Típicas de Estado (Conacate) realizou webinar com o economista e professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Luiz Gonzaga Beluzzo, nesta quarta-feira (20/5).

Em sua explanação, o especialista avaliou que o momento pede a implementação de centralidade política monetária e depois de política fiscal para tratar a economia do país. “Houve uma grave ruptura no circuito monetário com drástica consequência na alta taxa de desemprego, são muito os reflexos da crise”.

Para Luiz Beluzzo, sem uma atuação incisiva do Banco Central e do Tesouro Nacional será difícil proteger o funcionamento do intercâmbio monetário e de mercadorias, além dos ativos que estão nos balanços das instituições financeiras. “O Estado precisa intervir, pois o sistema só tem continuidade a partir de uma boa gestão da moeda”.

Acompanhando o seminário, o assessor de Estudos Socioeconômicos da ANFIP, Vilson Antonio Romero, destacou que as reflexões são fundamentais nesta crise econômica para um posicionamento equilibrado de todos os setores. “A economia mundial sofreu um baque de maiores proporções com a crise sanitária. A preocupação dos povos agora é com a retomada da normalidade, se existir isto, e com a manutenção das vidas”. Romero também ponderou que o “Estado mínimo defendido por muitos é incompetente para atender e mitigar tamanha desigualdade social, em especial no Brasil, na América Latina e na África”.

O webinar foi mediado pelo presidente do Conacate, Antônio Carlos Fernandes, e pelo vice-presidente Amauri Perusso, com a participação de representantes de diversas entidades e federações com vistas ao movimento sindical analisar e compreender melhor os fatos para o resgate econômico do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *