Comissão organizadora divulga resultado do I Concurso de História, Contos e Poesias

1104

É com grande satisfação que a ANFIP divulga a relação dos ganhadores do I Concurso de Contos, Histórias e Poesias dos Auditores Fiscais em Quarentena. Conforme definido no regulamento, a premiação será concedida aos três primeiros colocados, são eles:

  • 1º – Walter de Carvalho Parente – Distopia (Conto)
  • 2º – Paulo Marcelo Soares da Silva- Folhas de Outono (Conto)
  • 3º – Manoel Lucena dos Santos – A história e o ladrão (Conto)

A Comissão Julgadora, formada por Álvaro Sólon de França (GO), Aniceto Martins (RJ), Dulce Wilennbring de Lima (RS), Elias Alves Santos (PB) e Airton Claudino (AM), se dedicou à leitura atenta de todas as obras inscritas e, em várias reuniões conjuntas, elogiaram publicamente a qualidade, a sensibilidade e o conteúdo de alto valor cultural dos trabalhos apresentados.

Além dos três vencedores, a Comissão concedeu ainda sete menções honrosas, aos seguintes trabalhos:

  • Walter de Carvalho Parente – Espinhos da alma / Conto ou história
  • Walter de Carvalho Parente – O nascimento de Aristeu / Conto
  • João Francisco de Paula Gomes – Vô Quicas e as histórias de Gaia / Conto ou história
  • Ana Maria da Silva Costa – As Helenas / História
  • José de Arimatéa R. Braz – Conviver / Conto
  • Regina Ruth Rincon Caires – Mil e uma noites / Conto ou história
  • Zaíra Ramos Benitez – Este lixo (não) é meu! / Conto

A Comissão Julgadora destaca ainda a belíssima obra A Libélula e o Pequeno Príncipe, escrito por Raimunda Gomes de Oliveira, que emocionou a todos os julgadores.

A ANFIP agradece a participação dos associados que, diante de tantas mudanças na rotina de vida, se dispuseram a produzir textos tão marcantes e cheios de histórias fantásticas. As premiações serão entregues em webinar marcado para o dia 29 de abril. Em breve serão divulgadas novas informações.