MCCE discute reforma eleitoral

300

A ANFIP, representada pelo vice-presidente Executivo, Márcio Humberto Gheller, participou da reunião do Comitê Nacional do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), nesta quarta-feira (14/4), em conjunto com os representantes das demais entidades que integram o grupo.

Durante o encontro, os diretores do Movimento abordaram questões acerca da Lei Complementar 135/2010 (Ficha Limpa) e apresentaram os trabalhos feitos em relação aos temas que têm sido discutidos pelo Grupo de Trabalho da Reforma Eleitoral, na Câmara dos Deputados. Segundo o diretor do MCCE, Luciano Caparroz Santos, as ações não ficarão restritas apenas à Lei da Ficha Limpa e à Lei 9.840 (Compra de Votos), mas, outros temas, como inclusão de minorias no processo eleitoral, serão adicionados nas discussões para aperfeiçoar o sistema. “Todo o processo precisa ser aprimorado para que a gente tenha uma democracia plena e completa, com a participação de todos”, afirmou.

Outra ação realizada pelo MCCE, é a promoção do GT Mulheres. O objetivo do grupo de trabalho é incentivar a participação da mulher na vida política, tendo como proposta a promoção e fortalecimento do debate com foco nas candidaturas femininas nas eleições de 2022. As representantes se reunirão nesta sexta-feira (16/4) para discutir as repercussões do GT da Reforma Legislativa Eleitoral e organizar ações conjuntas coordenadas em prol da causa.