MCCE divulga nota de repúdio contra tentativa de flexibilização da Lei da Ficha Limpa

143

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), composto pela ANFIP e por entidades e organizações da sociedade civil, publicou uma nota de repúdio contra candidato à presidência da Câmara dos Deputados que estaria negociando com parlamentares e partidos a flexibilização da Lei da Ficha Limpa, uma das grandes conquistas populares nacionais no combate à corrupção.

“Nós repudiamos veementemente este tipo de barganha e alertamos que a Lei Complementar nº. 135/2010 não está disponível para negócios. Uma lei conquistada com a mobilização da sociedade não será manietada por iniciativa de alguns parlamentares”, defendeu a entidade, inspirada ainda pelo Dia Internacional de Combate à Corrupção, comemorado nesta quarta-feira (9/12).

O MCCE aproveitou a oportunidade para convocar a sociedade à vigilância e acompanhamento do processo de escolha dos presidentes das Casas Legislativas, dando subsídios para que seja feita a cobrança de atitudes republicanas e de interesse da população por parte dos parlamentares.

Leia a publicação na íntegra AQUI.