Fisco prepara novas ações sobre a Reforma Tributária

169

O presidente Vilson Romero e o vice-presidente de Estudos e Assuntos Tributários, Gilberto Pereira, reuniram-se nesta terça-feira (8/11), em formato virtual, com o economista Eduardo Fagnani, assessor técnico do Projeto Reforma Tributária – Diálogos com os Presidenciáveis.

Com a definição do próximo presidente da República, que será empossado em janeiro de 2023, as entidades que integram o projeto preparam uma Carta Conjunta com propostas de mudança no sistema tributário brasileiro, visando reduzir a desigualdade social e de renda e ampliar a justiça fiscal no país. O documento também é direcionado aos parlamentares e à sociedade.

Vilson Romero ressaltou que as propostas de Reforma Tributária não estão no radar da atual Legislatura nem do próprio governo, que encerram mandato em dezembro deste ano. Portanto, sugeriu que, após a aprovação do texto final da Carta Conjunta, o grupo de trabalho suspenda as atividades do Projeto e finalize o documento a ser entregue ao presidente eleito ou à equipe de transição, como resultado do trabalho desenvolvido pelas entidades parceiras.

Além dos representantes da ANFIP, participaram da reunião a diretora de Estudos, Planejamento e Projetos da Fundação ANFIP, Nilza Garutti; e o diretor do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da RFB (Sindifisco), Floriano Martins de Sá Neto. Também faz parte do projeto a Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco).